Noticia

Coviran celebra o Dia Mundial da Reciclagem com dados de Incremento no Tratamento de Resíduos

Em 2019 foram reciclados nos centros de trabalho da Cooperativa um total de 1.006 toneladas de resíduos não perigosos (cartão, plástico e paletes), 67,7 toneladas mais que no ano anterior. A presidente da Coviran, Patro Contreras, destacou o esforço de investimento que a Cooperativa realizou nos últimos anos para “modernizar as instalações e reduzir o impacto ambiental”.

15-05-2020

A Coviran mantem a sua aposta decidida por um modelo de negócio mais sustentável e respeitoso com o meio ambiente. A Cooperativa mantem o seu compromisso com a economia circular e trabalha diariamente pela optimização dos recursos e o aproveitamento dos seus resíduos.

No Dia Mundial da Reciclagem que se celebra a 17 de maio, a presidente da Coviran, Patro Contreras, referiu “os avanços que a Cooperativa deu nos últimos anos em matéria de tratamento de resíduos com o objetivo de reduzir o impacto ambiental que se deriva do processo produtivo”.

No que concerne à gestão dos resíduos, os dados recolhidos nas memórias dos últimos anos confirmam a sua progressão no capítulo meio ambiental, com um incremento importante da recolha selectiva.

Em 2019 foram reciclados um total de 1.006 toneladas de resíduos não perigosos (cartão, plástico e paletes), 67,7 toneladas mais que no ano anterior, e reutilizaram-se 600 kilos de perigosos (baterias e óleo). Só em filme plástico, um material imprescindível para selar os alimentos que se transportam em paletes, foram utilizados no ano passado cerca de 5 toneladas menos que no ano anterior.

O balanço dos últimos anos mostra resultados “positivos e muito esperançosos” uma vez que, a juízo da presidente da Coviran, “conseguiu-se implicar os sócios, funcionários e fornecedores sobre a necessidade de reduzir a pegada ambiental”.

Na sua estratégia de prescindir na medida do possível do plástico, a Coviran incorporou em 2019 distintas novidades de sacos reutilizáveis com o objetivo de sensibilizar os clientes sobre a necessidade de cuidar do meio ambiente. Entre as principais novidades figura o lançamento de sacos de malha reutilizáveis para frutas e verduras, e a incorporação de um novo saco de rafia com a imagem de Barcelona, acrescentado à  coleção composta por seis modelos diferentes. 

Também se intensificaram os trabalhos de digitalização em todos os escritórios da Cooperativa para reduzir o consumo de papel, reduziu-se o número de impresões dos folhetos promocionais e eliminou-se boa parte da distribuição, apostando pela entrada de suportes tecnológicos para a difusão de promoções.

Esforço no investimento

A presidente da Coviran destacou “o esforço de investimento que a Cooperativa realizou para modernizar as instalações e reduzir o impacto ambiental”. 

As consequências derivadas da actualização de equipamento nos centros de trabalho traduzem-se não apenas no aumento da recolha seletiva de resíduos, como também na poupança do custo energético, a diminuição no consumo de água e do uso do plástico e do papel, além de outras muitas acções para atenuar a pegada ambiental que ocasiona o transporte da rede logística.

Todas estas actuações se complementam com acções de formação entre os funcionários para incutir a cultura da reciclagem e com a participação em campanhas de sensibilização para passar aos lares o compromisso com o meio ambiente.


Folhetos

Folleto

Outros serviços

Redes sociales

COVIRAN S.C.A. Atendimento au Cliente: 210 994 081